• 01
  • 02
  • 03
  • 04

Últimas notícias


Facebook perde força, mas redes sociais não

A dependência dos americanos da mídia social está se tornando cada vez maior, segundo um novo estudo. Embora a devoção ao Facebook tenha estacionado, outras plataformas de redes sociais estão ganhando popularidade, afirma a pesquisa.



Em uma nova análise do uso da mídia social, o Pew Research Center informou ontem que os aplicativos para o envio de mensagens e as novas redes sociais estão ganhando mais rapidamente terreno entre os adultos americanos. O relatório da Pew mostrou que 29% dos adultos usam iMessage, Kik ou WhatsApp.



A tendência cresce em todas as faixas etárias. Os adultos de 18 a 29 anos são os mais adeptos, sendo que cerca de metade deles usa aplicativos para esta finalidade. Entretanto, esses tipos de serviços firmaram-se definitivamente mesmo entre usuários mais velhos: cerca de 25% dos adultos a partir dos 50 anos estão conectados a alguma rede social.



"É importante destacar o surgimento dos aplicativos de mensagens porque estas ferramentas de comunicação atendem a diferentes necessidades sociais em comparação as tradicionais redes sociais online", disse num comunicado Maeve Duggan, da área de pesquisa do Pew Research Center. "Os dados mostram também a rapidez com a qual um campo de interação já complexo está se tornando mais variado." As plataformas de redes sociais mais recentes foram as que registraram o maior crescimento - principalmente Instagram e Pinterest, que dobraram suas bases de usuários desde 2012, disse o estudo.

Fonte: http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,facebook-perde-forca--mas-redes-sociais-nao--imp-,1747460




Linkedin